Sabia que o motor do Ariel Atom V8 são na realidade 2 motores Hayabusa?

Se este não for um dos automóveis mais «selvagens» de sempre, pouco deve faltar.

Os 25 Ariel Atom V8 que foram produzidos receberam um «imponente» motor V8 de 500 cavalos que, combinado com o seu «peso pluma», lhe permitirá sensações só ao alcance de um… Formula 1.

Para isso, o Ariel Atom 500 está equipado com um “pequeno grande” motor V8 de 3 litros oriundo da competição, capaz de desenvolver 475 cv (500 cavalos na versão de pista) debitados às 10.500 rpm (10.600 rpm na versão de competição). Na realidade o motor desenvolvido pela Hartley Entreprises o H1V8 é a “fusão” de 2 motoros da Suzuki Hayabusa.

 

 

106-engine_619_591_90

 

Mas mais importante que os números do motor é o «peso pluma» deste bilugar, nada mais, nada menos que 500 kg, ou seja uma relação peso/potência de 1cv para 1 kg na versão de competição.

Não é por isso de estranhar que este V8 seja capaz de cumprir os tradicionais 0-100 km/h em apenas 2,3 segundos e necessitar de menos de seis segundos para alcançar os 160 km/h.

A velocidade máxima anunciada é de 272 km/h para a versão de estrada e 320 km/h na configuração de pista.

Para ficar com uma ideia do “rugido” deste motor veja este montado num Lotus.

 

Deixar uma resposta